• Ariane Angioletti

Escolhendo uma ILPI: orientações para os idosos e familiares

Atualizado: Set 8


Geralmente a opção de acolher o idoso numa instituição surge quando a demanda de cuidados extrapola às possibilidades da família em atendê-las. Seja pela necessidade de cuidados mais especializados ou seja por uma questão financeira - já que em muitas das vezes a contratação de uma Instituição de Longa Permanência para Idoso (ILPI) é uma opção de menor custo.


Quando a proposta pelo acolhimento não vem do idoso, é importante que haja uma, duas, três conversas sobre os prós e os contras desta mudança. Mas fique atento! Não conduza esse processo de uma forma com que o idoso se sinta obrigado a ir para uma ILPI.


Todo o processo deve acontecer com a participação do idoso em todas as etapas: decisão pelo acolhimento, pesquisa e visita às ILPI selecionadas, escolha da instituição, organização do que será levado, acolhida, organização dos pertences no novo quarto,


Sabemos que, em determinadas situações, como a necessidade de cuidado constante e a impossibilidade de a família prestar essa assistência, a ida do idoso para uma casa geriátrica é uma opção acertada. Porém, a decisão deve passar pelo conhecimento, compreensão, aceitação e participação do idoso.


Considerando o trabalho que venho desenvolvendo nestes últimos dez anos, reuni orientações para os idosos e familiares para que todas as fases do processo de acolhimento se dê da melhor forma possível.


Para ler e baixar o documento, clique aqui.


241 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo